Será que você realmente tem um projeto de vida?

Ou melhor, será que você sabe o que é, para que serve, como fazer e a importância de se elaborar um projeto de vida?

Nesse artigo você vai entender que ter um projeto de vida não é apenas importante, mas essencial para você criar uma vida mais equilibrada e alinhada com sua essência.

O que é projeto de vida?

Photo by Rodolfo Sanches Carvalho on Unsplash

Você já parou para pensar no que quer para sua vida daqui a cinco anos? Tanto em termos pessoais quanto profissionais? E traçou um plano a partir do que definiu?

E daí que vamos começar. 

Se você fizer uma busca para saber sobre o conceito de projeto de vida, vai encontrar algumas definições parecidas.

Algumas delas falam sobre ter um planejamento de vida para o seu futuro ou um plano para sua existência.

Ou seja, estamos falando sim em como planejar a sua própria vida.

Mas um projeto de vida engloba questões fundamentais para viver uma vida com propósito e significado.

Ou seja, com seu projeto você sabe quem é, o que quer e como vai fazer para chegar lá. Você tem o seu caminho traçado – o seu caminho único e individual, criado por você e para você!

Eu gosto muito de pensar que ter um projeto de vida é diminuir a distância entre a sua situação atual e a situação futura desejada.

Ou ainda – chegar mais perto do que você deseja alcançar ou da pessoa que deseja se tornar. É refletir sobre como ser uma pessoa melhor.

Esse é uma forma bonita de pensar, que te ajuda a visualizar e até estabelecer os passos do seu plano. E também porque te ajuda a assumir o controle de sua vida!

Para que serve um projeto de vida?

Se olharmos sob uma ótica simplista, pode parecer que ter um projeto de vida é algo fácil ou até mesmo desnecessário.

Se olharmos sob uma ótica simplista, pode parecer que ter um projeto de vida é algo fácil ou até mesmo desnecessário.

Fácil se você pensar que basta escrever o que quer da sua vida, como por exemplo, quero me formar, casar, ter filhos, viajar pelo mundo etc.

Mesmo que você se aprofunde um pouco mais nessa lista de desejos e estabeleça metas pessoais, específicas e com prazo, ainda assim você não desenvolveu o seu projeto.

Por outro lado, você pode considerar desnecessário criar um plano de vida, afinal, parece algo tão de longo prazo que não justifica fazer um planejamento considerando um futuro imprevisível.

Mas o que ocorre é que o projeto de vida é muito mais fundamental que criar um projeto de carreira ou planejar projetos específicos, pois é ele que vai dar a direção para todo o resto.

Além do mais, é muito comum que as pessoas estabeleçam metas pessoais e metas profissionais, mas o projeto de vida deve vir antes das metas.

E para entender, definitivamente, a importância de um projeto de vida, eu te pergunto:

  • Como sua vida estará daqui a 5 anos se você continuar a fazer as mesmas coisas que está fazendo hoje?
  • E se você tiver um projeto e começar a agir de acordo com ele, como você acha que sua vida pode se tornar?

Portanto, é a partir do seu projeto que você irá criar um estilo de vida que contemple as suas maiores aspirações e desejos, que te faça sentir inteiro e feliz com suas decisões.

Ter seu projeto de vida é o que te inspira a agir!

Áreas do seu plano de vida

Como falei anteriormente, o seu plano é totalmente único e individual. Dessa forma, não há como pré-definir quais deveriam ser as áreas do seu projeto.

De todo modo, aqui estão algumas sugestões para você se basear. Só para ficar mais fácil de começar.

Pessoal

Essa área engloba os principais temas da sua vida pessoal.

É aqui que entra a visão do que você quer dos seus relacionamentos familiares, de amizade e relacionamento amoroso.

A sua saúde deve ser monitorada e os principais cuidados que você precisa ter devem estar bem definidos.

Além disso, você pode incluir as questões relacionadas ao lazer e ao desenvolvimento pessoal, áreas tão importantes, mas muitas vezes deixadas de lado.

Profissional

Dependendo do seu momento de vida, quando estiver avaliando essa área, você pode definir que profissão deseja seguir, quais são suas ambições futuras em relação ao seu trabalho atual, ou até mesmo pensar em uma transição de carreira.

Além disso, é aqui que você estabelece os ganhos que deseja obter, o estilo de vida que espera ter no seu trabalho e até realizações que espera alcançar.

Por exemplo:

  • Você prefere um trabalho que te dê segurança ou flexibilidade?
  • Você prefere direção do seu chefe ou autonomia para tomar suas próprias decisões?
  • Você gosta mais de um trabalho rotineiro ou imprevisível?

Essas são questões importantes que você deve se fazer para definir o que você deseja da sua vida profissional.

Financeira

A sua vida financeira é também uma área muito importante, e que carece de uma atenção à parte.

Até mesmo porque isso está intimamente relacionado ao estilo de vida que você quer ter.

Sendo assim, você deve pensar no que deseja poupar ou investir, o quanto precisa para realizar seus sonhos e o quanto está disposto a abrir mão para conseguir o que deseja.

Muitas vezes pequenos ajustes na nossa rotina são suficientes para contribuir com nossas metas.

Em outros casos, é necessário fazer um esforço maior. E tudo isso deve estar bem claro para você.

Como fazer um projeto de vida?

projeto de vida

Você pode encontrar diferentes métodos que te dizem como você deve fazer o planejamento pessoal para sua vida.

Alguns deles vão focar na importância de definir o seu propósito, a sua missão de vida, e entrar em contato com seus sonhos para o futuro. Muito válido!

Outros vão te apresentar técnicas de planejamento estratégico e te dar os passos para você montar o seu plano. Essencial!

Mas se você não juntar essas duas partes, seu plano de vida será incompleto e insuficiente!

Isso porque a primeira parte é fundamental para você estabelecer o seu propósito de vida, saber o que é felicidade para você e definir sucesso sob o seu ponto de vista!

Da mesma forma, a segunda parte é essencial para você estabelecer como você vai chegar lá, afinal, é o método de planejamento que nos dá suporte para realizarmos algo de forma eficiente.

Então vamos às etapas para criar o seu projeto:

1. Construa sua Identidade

Por que você escolheu determinada carreira? Por que escolheu seus hobbies? Por que decidiu formar uma família (se esse for o seu caso)? Por que mora nessa cidade ou país?

E por fim: o que te leva a fazer (ou deixar de fazer) as suas escolhas diárias?

Cada uma de nossas decisões é feita em função de nossa identidade – de nossos gostos e preferências, bem como de nossas aversões.

Muitas vezes tomamos decisões conscientes e confiantes, sabendo exatamente onde queremos chegar.

Por outro lado, muitas também são as vezes em que tomamos decisões ruins, pois não temos a clareza necessária para guiar nosso caminho.

Portanto, essa é a primeira etapa, extremamente importante, mas muitas e muitas vezes deixada de lado pela falta de tempo ou simplesmente porque nunca pensamos em nos perguntar “por que”?

Então, nessa fase, você deve buscar seu propósito, explorar sua missão e seus valores, e entender suas áreas de responsabilidade.

Essa reflexão é o que vai te ajudar a identificar o que te move, para que você possa estabelecer metas conectadas aos seus desejos e tomar melhores decisões.

2. Defina Metas Conectadas

A definição de metas vai te dar a direção necessária para criar seus projetos e atuar no seu dia a dia, executando tarefas para alcançar os objetivos a que você se propôs.

No entanto, a definição de metas conectadas é o que vai te ajudar a enxergar suas verdadeiras prioridades e a chegar onde você realmente deseja.

Isso porque você passou pela fase de reflexão, em que obteve respostas importantes a respeito de si mesmo, que vão orientar a criação de suas metas.

Sendo assim…

As metas conectadas irão permitir que você trabalhe nas coisas certas.

Assim, você estabelece não só metas específicas para você alcançar no tempo que determinou, mas metas conectadas ao seu propósito, seus valores e seus sonhos.

3. Crie seu Plano de Ação

Chegou enfim o momento de pensar nas estratégias que vão te levar a atingir as suas metas. E para isso você precisa se planejar!

Partindo de um horizonte maior de consciência, você pode começar a dar forma para seus sonhos, transformando-os em projetos que serão postos em prática.

Nesse momento, você deve ter o entendimento claro dos resultados que quer alcançar, definir os princípios do seu projeto e organizar as ações que você deve desempenhar.

Sendo assim, avalie o que você precisa criar, mudar ou incluir na sua rotina para alcançar as metas.

É nesse momento de planejar que você deve pensar em como vai viabilizar a implementação das suas ações, tornando mais fácil a execução.

Nesse sentido, um planner é uma ferramenta de grande apoio, pois te ajuda a fazer o seu planejamento anual, o seu planejamento mensal e seu planejamento semanal.

Vale lembrar que o seu projeto deve ter um prazo para ser cumprido, senão você corre o risco de procrastinar e não chegar a lugar algum.

Estabeleça as principais etapas do seu projeto, crie sub-metas e defina as principais tarefas que precisa realizar para começar a colocá-lo em prática agora!

4. Organize e execute suas tarefas

Chegou a hora de você trazer para o seu dia a dia as tarefas que vão te ajudar a cumprir metas.

Afinal, são os pequenos passos que, somados, irão trazer grandes transformações.

Portanto, verifique as suas metas e, para cada uma delas, estabeleça pelo menos as três próximas tarefas que você deve executar.

A ideia é que você dê os seus primeiros passos tão logo seja possível.

Você deve sempre se perguntar:

  • Que passo eu posso dar para levar isso adiante?

E para manter o foco, se questione:

  • Isso é fundamental para meus planos?

Se não for essencial, risque da sua lista! Você deve eliminar as distrações. É muito fácil se perder em meio a tantas coisas que surgem se você não se questionar constantemente o que deveria estar fazendo.

Além disso, você deve pensar além da tradicional lista de tarefas e seguir um método para seu planejamento diário.

Uma excelente opção é usar um planner semanal que vai te ajudar a se concentrar na meta da sua semana e a quebrar essa meta em pequenas ações diárias.

Se você é adepta de apps digitais, eu recomendo muito os seguintes aplicativos para organizar tarefas : Todoist, Evernote e Wunderlist.

5. Crie seu sistema de revisão

Essa é uma etapa fundamental, mas que muitas vezes não é posta em prática porque simplesmente não sabemos como fazer.

Entenda o sistema de revisão como um processo simples que vai te ajudar a ter a capacidade de lidar de maneira proativa (e não reativa) com suas prioridades.

Talvez você tenha uma lista de tarefas que deseja desempenhar, mas você tem a segurança de se lembrar do que deve fazer no momento que deveria estar fazendo?

E mais: você tem um método confiável para decidir suas prioridades e a que você deveria estar se dedicando naquele momento?

Para isso, você precisa ter um sistema estruturado que te permita ter o controle da sua agenda, da sua lista de próximas ações, das tarefas que você delegou e dos seus objetivos de longo prazo.

Se você seguir um sistema de revisão estruturado, passará do ponto de “correr atrás do próprio rabo” para o controle de suas tarefas.

Quando elaborar seu planejamento de vida?

projeto de vida

Essa pergunta está aqui para te lembrar que o projeto de vida não é uma ação única, muito pelo contrário.

Nem mesmo um planejamento a ser feito todo final de ano quando você estabelece as suas resoluções de ano novo.

O seu planejamento de vida pode ser feito a qualquer momento e, mais importante, deve ser revisado constantemente.

Isso porque você muda a cada instante. Suas necessidades mudam, seus objetivos mudam, suas prioridades mudam.

E você deve estar sempre atenta a essas mudanças e ao que você quer realizar ou desapegar.

Afinal, se você não fizer suas próprias escolhas, a vida vai se encarregar de fazer isso por você! E nem sempre o resultado será de acordo com o que você gostaria.

Portanto, vale lembrar que o seu projeto de vida diz respeito a assumir o controle da sua vida e ir em busca do que você deseja, com consciência e equilíbrio.

Assine e receba conteúdos para inspirar!

E receba conteúdos para estimular a reflexão, conexão e ação

Sua assinatura foi realizada com sucesso! O eBook será encaminhado para seu email!

%d blogueiros gostam disto: